quarta-feira, 5 de março de 2008

O Sentido Oposto das Palavras

'O Sentido Oposto das Palavras?'. Perguntava-me. 'Claro.'. Respondia eu com convicção. 'E porquê?'. Bem, o porquê é relativo, penso eu.

Por vezes, as expressões ou palavras usadas por alguém, têm um sentido para essa pessoa, mas podem ter outro sentido "oposto" para o 'outro alguém'. Cada um interpreta as palavras como quer, ou como sente.

Neste caso, podemos falar em Filosofia. Sim, a minha adorada filosofia. Isto é, cada 'alguém' faz uma interpretação de algo, através dos seus valores.


Mas eu escolhi este nome por uma simples razão, é que estes textos que escrevo neste blog, têm significado para mim, mas para quem os lê, até pode nem ter qualquer significado. É apenar por isso. Somente isso.


Só vos peço que tentem e consigam desfrutar ao máximo deste meu 'cantinho', que tanto valorizo. Eu aceito e PEÇO críticas, conselhos e elogios.

Obrigado.

2 comentários:

J. disse...

Gostei especialmente desta passagem:

"Por vezes, as expressões ou palavras usadas por alguém, têm um sentido para essa pessoa, mas podem ter outro sentido "oposto" para o 'outro alguém'. Cada um interpreta as palavras como quer, ou como sente."

Está lindo. E como tu tens toda a razão. Oh, se tens... Por vezes, nem aqueles que nos são mais próximos querem acreditar nas nossas palavras sinceras.
Outras vezes, basta um sorriso para percebermos o quão importante uma amizade é. :)

Mil beijos. *


Boa sorte com o blogue, prometo ser um visitante assíduo.

Trandafir_Albastru disse...

Sentido oposto das palavras...

É mesmo.